SOBRE O BELO E O UTILITÁRIO

Autores

  • Carolina Borges Universidade Católica de Brasília

Resumo

Se o belo é o que sem conceito agrada1 , este necessariamente não poderia ter uma função, ser interessado. No entanto, certos objetos podem ser utilitários e belos ao mesmo tempo, embora não possamos dizer que o belo só exista na medida em que for útil. A arte poderia ter uma “função”, mas não poderia estar a ela subordinada, ou seja, o belo deve sobrepor o utilitário.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2018-10-17

Edição

Seção

Explicando