ANÁLISE ECONÔMICA DA MINERAÇÃO E DOS SEUS PRINCIPAIS CUSTOS DE TRANSAÇÃO NA PRODUÇÃO E CONCESSÃO ECONÔMICA

RICARDO SERRANO OSORIO, GUILHERME FRANZEN RIZZO

Abstract


O objetivo do trabalho consiste em analisar teoricamente as principais relações negociais do setor minerário perante aos seus custos de transação nos processos de produção e na estruturação da concessão mineral conforme a uma Análise Econômica do Direito. Inicialmente, aborda-se à natureza geológica dos minérios com o intuito de diferenciar a sua valorização econômica nos negócios da exploração mineral e a sua apreciação no mercado das commodities. Em seguida, analisam-se as etapas do processo de produção mineral com o intuito de destacar os seus principais custos de transação desenvolvidos ao longo da atividade econômica. Diante aos lineamentos dos institutos teóricos jurídico-econômicos da mineração, ressalta-se a natureza da concessão mineral como a principal relação negocial no direito minerário. Por último, avalia-se a problemática da institucionalidade minerária perante aos novos paradigmas surgidos pelos processos de desenvolvimento econômico. Portanto, destacando os resultados da pesquisa, considera-se que no setor minerário se apresentam uma série de custos de transação ex ante e ex post significativos ao longo das suas relações negociais econômicas, seja desde o início da sua prospecção geológica, na sua produção e incluso até na sua comercialização no mercado. Assim, na atualidade o setor minerário nos países em desenvolvimento é uma das maiores atividades econômicas com maiores falhas de mercado que recaem sobre uma problemática institucional frente à relação entre o Estado, direito e desenvolvimento. 


Keywords


Análise econômica da mineração; Custos de transação; sistemas originários de domínio mineral; produção e concessão mineral; nova economia institucional.



Economic Analysis of Law Review  -  ISSN 2178-0587

Creative   Commons License Catholic University of Brasília - UCB