CARACTERÍSTICAS METODOLÓGICAS DE ESTUDOS REALIZADOS NA AMÉRICA LATINA USANDO SENSORES DE MOVIMENTO: REVISÃO SISTEMÁTICA

ANDRÉA MARIA PIRES AZEVEDO, ALAN DE CARVALHO DIAS FERREIRA, PRISCILLA PINTO COSTA SILVA

Resumo


A observação comportamental, a monitoração da freqüência cardíaca e a utilização de sensores de movimento (acelerômetros e pedômetros) são exemplos de métodos baseados na monitoração direta das atividades, com grande potencial para uso. A presente investigação tem como objetivo sintetizar as características metodológicas dos estudos realizados na América Latina nos quais sensores de movimento foram utilizados para medida da atividade física. Para o desenvolvimento deste estudo foram utilizadas três fontes de informações. A primeira consistiu na busca em bases de dados eletrônicas (Scielo, LILACS, Medline, ADOLEC, COCHRANE), a segunda consistiu na busca por meio do portal de periódicos eletrônicos CAPES (banco de teses e dissertações). Por fim, a terceira fonte considerada foi a busca por autores. Resultados: 10 estudos satisfizeram os critérios de inclusão. Quatro envolveram crianças, quatro estudos foram caracterizados como transversais. 50% do monitoramento das atividades físicas foram realizados por meio de atividades da vida diária. Quanto à escolha dos instrumentos, 80% dos estudos utilizaram os acelerômetros. Verificou-se variações de 23 minutos/dia a 24 horas/dia por um período de um a 41 dias de avaliação. Na maior parte dos estudos não se pôde identificar ou não foi relatado características metodológicas importantes para a validade interna e externa da pesquisa, tais como tempo de monitoramento da atividade física, intervalo para contagens dos movimentos e dias em que os instrumentos foram utilizados.

Palavras-chave


Acelerômetro; Pedômetro; América Latina; Atividade Física, Gasto Energético

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18511/rbcm.v18i1.1246

R. Bras. Ci. e Mov./ Brazilian Journal of Science and Movement