NADO SUBMERSO ONDULATÓRIO: UMA VISÃO SOBRE O QUINTO NADO

Joel Moraes Santos Júnior, Jorge Augusto Barbosa de Sales Dias, Maressa D'Paula Gonçalves Rosa Nogueira, Antonio Carlos Mansoldo

Resumo


Este trabalho de revisão tem como objetivo analisar o Nado Submerso Ondulatório (NSO) que é considerado pelos atletas e treinadores como o “quinto nado”. Este nome surgiu devido aos quatro nados já conhecidos (crawl/livre, costas, peito e borboleta). Em qualquer um destes quatro nados, o NSO é utilizado nos momentos da saída do bloco e nos momentos de viradas devido a sua eficiência. Sabe-se que esses momentos são importantíssimos e que contribuem para a classificação dos nadadores durante as competições. Apesar da grande utilização desta técnica e de sua importância, poucos estudos vêm sendo realizados com a intenção de estudar as variáveis relacionadas ao NSO. Assim, esta revisão serve como uma tentativa de preenchimento dessa lacuna importante para área da Educação Física. Além disso, pretende-se com este trabalho levantar questões referentes ao NSO que servirão tanto para a aplicação prática como para a melhor compreensão desta técnica.

Palavras-chave


Natação; Biomecânica; Desempenho

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18511/rbcm.v19i1.2034

R. Bras. Ci. e Mov./ Brazilian Journal of Science and Movement