AVALIAÇÃO DA POTÊNCIA ANAERÓBICA E SUA APLICABILIDADE NO TREINAMENTO DE ATLETAS DE BASQUETEBOL

Gerson dos Santos Leite, Graziele Salata, Cezar Augusto Souza Casarin, Erinaldo Luiz Andrade, Christiano Bertoldo Urtado, João Paulo Borin

Resumo


O basquetebol se caracteriza pela alternância de períodos de atividades de curta duração e alta intensidade intercalada com momentos de recuperação. Quanto ao metabolismo pareAvaliação da Potência Anaeróbica e sua ce que em desportos coletivos o anaeróbio é considerado predominante, porém seu grau de solicitação depende da distribuição das ações realizadas ao longo da partida. Nesse sentido, o objetivo da presente pesquisa foi avaliar a efetividade de um teste de potência anaeróbia em atletas de basquetebol. Para isso, foram avaliadas 10 atletas do sexo feminino (23±2,7 anos; 1,76±0,08 m; 72,3±11,8 kg), pelo protocolo de Forward-Backward. As seis repetições do teste apresentadas em tempo e potência, foram comparadas pelo Anova One Way seguido do post hoc de Tukey (p<0,05). As atletas apresentaram uma tendência de diminuição do desempenho ao longo das seis repetições, sendo a quinta (65,56±10,44) e sexta (27,39±10,16) repetições menores estatisticamente comparadas com a primeira (84,15±13,71) e segunda (83,44±11,72), tanto em forma de tempo (segundos) quanto de potência (watts). Desta forma, conclui-se que o protocolo de avaliação utilizado expressa a atividade anaeróbia intermitente e atende as especificidades do jogo de basquetebol.

Palavras-chave


treinamento esportivo; basquetebol; capacidade anaeróbia

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18511/rbcm.v18i3.2064

R. Bras. Ci. e Mov./ Brazilian Journal of Science and Movement