CRIATIVIDADE: A EXCEÇÃO ESSENCIAL

Autores

  • Heloisa Turini Bruhns UNICAMP
  • Alcyane Marinho CEFID/UDESC

DOI:

https://doi.org/10.18511/rbcm.v19i4.2735

Resumo

Este texto tem como objetivo refletir sobre o processo criativo na atualidade, partindo da detecção da falta de originalidade e criatividade em artigos, resultados de pesquisas e ensaios, publicados recentemente em revistas acadêmicas, especialmente, da área da Educação Física, envolvendo aspectos diversos como cultura, meio ambiente, turismo, e outros. Afinal, O que os pesquisadores nas universidades estão fazendo? Trazendo novas ideias ou repetindo ideias? A constatação de tal ocorrência pode ser verificada tanto na bibliografia utilizada, mostrando ausência de renovação pela utilização de autores já bastante explorados e desatualizados; pela abordagem teórica apontando limitações para uma compreensão mais abrangente da realidade (simplificando ao invés de buscar a complexidade) como também se prendendo no óbvio ou em chavões extensivamente veiculados. Os próprios espaços ditos propícios para a manifestação do ser criativo insistem em podar a liberdade, na tentativa de formatar os estudantes ignorando sua individualidade e necessidade. Faz-se necessário entender que o importante no processo criativo são as exceções, as quais devem ser buscadas insistentemente como alternativas para novas possibilidades. O ato de criar representa uma intensificação da experiência de vida, um experimentar-se no fazer. É uma realidade nova, a qual adquire novas feições pelo fato de nos articularmos perante nós mesmos com o mundo, no qual vivemos em níveis mais complexos de consciência.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Heloisa Turini Bruhns, UNICAMP

Possui graduação em Economia pela Universidade Estadual de Campinas (1974), graduação em Educação Física pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (1980), mestrado em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (1989) e doutorado em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (1992). Atualmente é Professor Titular da Universidade Estadual de Campinas atuando como colaboradora no programa de pós-graduação em Geografia do Instituto de Geociências -IG da Unicamp. Realizou estágio de pós-doutorado no Theory,Culture and Society na Nottingham Trent University- Nottingham, UK durante o ano de 2007.Tem experiência na área de Ecoturismo, Cultura e Natureza, Lazer e Meio Ambient

Alcyane Marinho, CEFID/UDESC

Graduada em Educação Física pela UNESP de Rio Claro (SP). Mestre e Doutora em Educação Física, Área de Estudos do Lazer, pela UNICAMP (Campinas, SP). Realizou estágio pós-doutoral no Centro de Desportos da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). É professora adjunta da Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), no Centro de Ciências da Saúde e do Esporte (CEFID). É Professora Permanente do Programa de Pós-graduação em Educação Física do Centro de Desportos da UFSC. Organizou os "Turismo, lazer e natureza"; "Viagens, lazer e esporte: o espaço da natureza"; (Ed. Manole) e "Lazer, esporte, turismo e aventura: a natureza em foco"; (Ed. Alínea). Atua na área de Educação Física.

Downloads

Publicado

2012-06-01

Edição

Seção

Ponto de Vista