ANTROPOMETRIA E MORFOLOGIA DE ÁRBITROS PROFISSIONAIS DE FUTEBOL: COMPARAÇÃO ENTRE OS ESTADOS DO PARANÁ E SERGIPE

Alberto Inácio Da Silva, Yara Lucy Fidelix, Ivo Alexandre de Moraes Santos, Marcos Bezerra De Almeida, Diego Augusto Santos Silva

Resumo


O objetivo do presente estudo foi determinar e comparar o perfil antropométrico de árbitros profissionais de futebol da Federação Paranaense de Futebol (FPF) com os árbitros da Federação Sergipana de Futebol (FSF). Participaram do estudo 97 árbitros, sendo 53 árbitros do estado do Paraná e 44 árbitros do estado de Sergipe. As variáveis de massa corporal, estatura, idade, espessura de dobras cutâneas foram coletados com a finalidade de estimar a composição corporal dos árbitros. Os dados são apresentados mediante estatística descritiva, a comparação entre os grupos de FPF e FSF foi realizada por meio do teste “t” de student para amostras independentes, também utilizou-se a análise de variância (ANOVA) seguido do teste de Tukey. Os árbitros da FPF apresentaram idade média de 31,9 ± 6,8 anos, massa corporal de 78,5 ± 8,6 kg, estatura 1,79 ± 0,06 m e percentual de gordura de 17,3 ± 5,2 %. O grupo de árbitros da FSF apresentou idade média 33,4 ± 5,2 anos, massa corporal 77,9 ± 9,8 kg, estatura 1,76 ± 0,06 m e percentual de gordurade 16,4 ± 5,4 %. Somente foi constatada diferença estatisticamente significativa entre a estatura (p<0,05). Conclui-se que o perfil morfológico dos árbitros profissionais da região sul e nordeste são similares.

Palavras-chave


Futebol, cineantropometria

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18511/rbcm.v20i3.2868

R. Bras. Ci. e Mov./ Brazilian Journal of Science and Movement