OS SIGNIFICADOS DAS PRÁTICAS CORPORAIS PARA OS FREQUENTADORES DE UM PARQUE PÚBLICO DA CIDADE DE PIRACICABA/SP - DOI: http://dx.doi.org/10.18511/0103-1716/rbcm.v22n1p12-21

Natália Libardi, Cinthia Lopes da Silva

Resumo


Este trabalho tem como objetivo identificar e analisar os significados das práticas corporais para os frequentadores do Parque da Rua do Porto, localizado na cidade de Piracicaba/SP. Compreendemos que as práticas corporais (esporte, luta, ginástica, dança, práticas orientais etc.) fazem parte de uma construção cultural, que se dá por meio da produção e transmissão de significados. Os meios de comunicação de massa demonstram exercer certa influência em nossas escolhas e maneiras de pensar, difundindo as práticas corporais como um dos principais meios de se obter um corpo belo e saudável. Os espaços públicos disponíveis às práticas corporais, utilizados no tempo de lazer dos participantes da pesquisa, se tornam lugares de investigação, por receberem cotidianamente frequentadores que atribuem às práticas realizadas um conjunto de significados. Como procedimentos metodológicos foi realizada pesquisa bibliográfica e de campo, caracterizando este estudo como eminentemente qualitativo. A pesquisa de campo foi realizada por meio do contato com sete entrevistados de trinta a quarenta anos, frequentadores do Parque da Rua do Porto. As técnicas utilizadas na pesquisa foram entrevistas semiestruturadas, questionário e observação participante. Após a análise das respostas dos entrevistados, encontramos os seguintes resultados: a maioria dos participantes da pesquisa justificou a realização das práticas corporais pelo fator saúde e qualidade de vida, sendo a sensação de se sentir bem, ter prazer, o exercício de higiene mental e a ausência de doença, elementos determinantes. Houve também respostas de associação da questão saúde à aparência física. Espera-se que essa investigação forneça subsídios teóricos para as políticas públicas de esporte e lazer, de modo que os sujeitos possam rever conceitos e valores.

Palavras-chave


Atividades de lazer; Educação Física e Treinamento; Cultura

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18511/rbcm.v22i1.4191

R. Bras. Ci. e Mov./ Brazilian Journal of Science and Movement