ESTUDO DO SOMATOTIPO EM ATLETAS DE LUTA GRECO ROMANA

Graciele Araújo Lima, Karen Samara, Marcelo Da Silva Prazeres, Santiago Oliveira, Júlio César, José Blanco Herrera

Resumo


O objetivo desse trabalho foi investigar o perfil dos lutadores de Greco- Romana em função do somatotipo predominante. Foram analisados 11 atletas, sendo 4 atletas do sexo feminino com idade variando entre 16 e 20 anos, com idade média 18,5 ± 1,73 idades, com peso médio 57,5 ± 7,5 quilos e altura média de 161,75 ± 2,02 centímetros, e 7 atletas do sexo masculino com idade variando entre 17 e 21 anos, com idade média 18,29 ± 1,25 idades, com peso médio 71,74 ± 9,41 quilos e altura média de 173,94 ± 6,07 centímetros. Foi feita uma anamnese com perguntas sobre, nutrição, nível de condicionamento físico, fatores de risco pessoal ou familiar e objetivo da prática. Foi utilizado como instrumento para mensurar avaliação da composição corporal o protocolo de JACKSON & POLLOCK 7 dobras. O teste foi feito no Laboratório da Universidade Católica de Brasília – LEFE. Para o tratamento estatístico os dados foram lançados ao banco de dados do Software da Microsoft Excel utilizando média e desvio padrão e posteriormente analisados a predominância do somatotipo.

Palavras-chave


Lutas, greco romana, Educação Física, Esportes

Texto completo:

PDF