AVALIAÇÃO DA EFICIÊNCIA E EFICÁCIA DA PRÁTICA DE DOIS TIPOS DE EXERCÍCIOS AERÓBICOS E ALONGAMENTO NA QUALIDADE VIDA NO TRATAMENTO DA DEPRESSÃO

Autores

  • Eliane Jany Barbanti CENTRO DE PRÁTICAS ESPORTIVAS(CEPEUSP) DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO

Resumo

O caráter benéfico da prática sistemática de exercícios para a saúde mental vem sendo muito discutido na literatura das áreas de educação física, medicina e psicologia do esporte. Vários estudos relacionam os efeitos da atividade física sobre os sintomas da depressão, ansiedade e estresse. A qualidade de vida, entendida enquanto fenômeno que se inter-relaciona com as diversas dimensões do ser humano, tem sido objeto de inúmeros estudos na comunidade científica. O objetivo deste estudo foi investigar a mudança na qualidade de vida em 45 pacientes depressivos (DP), sobre a remissão de sintomas em indivíduos com episódio depressivo de leve a moderado, que participaram de atividades aeróbias: caminhada e fitness e também fizeram alongamentos no Centro de Práticas Esportivas- CEPEUSP da Universidade de São Paulo; por ação do NUPSEA- Núcleo de Psicologia do Esporte e Atividade Física. As alterações da qualidade de vida foram medidas pelas respostas do questionário de qualidade de vida SF-36: no início das atividades (pré), após dois (2m) e após (4m) do início. Na análise estatística foram comparadas as médias, isto é, foi considerada a média ponderada dos grupos. Foi utilizado o teste T Student para teste de hipótese, com nível de significância de 0, 001 (0,1%) e concluiu-se que houve diferença significativa entre as médias dos grupos com os percentiis de cada grupo nas fases pré, 2m e após 4m os exercícios. Os participantes melhoraram a qualidade de vida após 2m e 4m os exercícios. Através do Teste de Kruskal-Wallis foram construídos gráficos com os percentiis de cada modalidade e verificou-se que não houve diferença entre as atividades de caminhada, fitness e alongamento, todas contribuíram para a melhora da qualidade de vida dos participantes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Eliane Jany Barbanti, CENTRO DE PRÁTICAS ESPORTIVAS(CEPEUSP) DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO

Prof.a MS ELIANE JANY BARBANTI Formação: Professora de Educação Física, formada pela Escola de Educação Física da USP. Mestrado em Psicologia do Esporte pela Universidade de IOWA - U.S. A. Coordenadora do NUPSEA - Núcleo de Psicologia de Esportes e Exercícios Físicos do CEPEUSP. Ministra Exercícios Físicos para o tratamento complementar da depressão, grupos antitabagismo e dependentes químicos em recuperação. Professora e Coordenadora do Fitness no CEPEUSP de 1985 até 2008.

Downloads

Publicado

2010-12-14

Edição

Seção

Interação