EFEITOS DE UM PROGRAMA DE REABILITAÇÃO CARDÍACA NA QUALIDADE DE VIDA RELACIONADA À SAÚDE (SF-36)

Cleide Ana Saturnino da Silva, Carlos Ernesto Santos Ferreira

Resumo


A reabilitação cardíaca é uma atividade física capaz de promover incrementos na capacidade funcional e na saúde entre indivíduos de todas as idades, entretanto são escassos os relatos sobre o efeito da reabilitação cardíaca sobre a qualidade de vida. Objetivo: Verificar o efeito da reabilitação cardíaca sobre a Qualidade de Vida (QV). Metodologia: 16 indivíduos (10 homens e 06 mulheres; idade = 64,13 ± 17,60 anos), foram submetidos ao Questionário Curto de Avaliação da Qualidade de Vida relacionada à Saúde (SF-36), após um período de treinamento de 6 meses. As diferenças entre pré e pós-teste foram estimadas através do Teste t de Wilcoxon. Resultados: Verificou-se que mesmo não tendo ocorrido diferenças estatisticamente significativas nas variáveis, foi possível constatar que os pacientes apresentaram melhor QV em todos os 8 aspectos de QV avaliado pelo SF36. Conclusão: Estes resultados indicam que a reabilitação cardíaca é um tipo de exercício válido e muito importante para esta população, uma vez que estes pacientes têm grande redução de sua capacidade funcional, precisando combater este processo, melhorando a qualidade de vida. Contudo, não foi possível verificar, através do questionário utilizado, melhora na qualidade de vida dos voluntários. Diante disso, recomendamos estudos adicionais sobre os efeitos da Reabilitação Cardíaca para esclarecer significâncias e apontar a direção para futuras pesquisas na área da Qualidade de vida nesta população.

Palavras-chave


reabilitação cardíaca; qualidade de vida; saúde

Texto completo:

PDF