PRÁTICAS CORPORAIS HODIERNAS: UM OLHAR PELA SOCIOLOGIA CONTEMPORÂNEA

Gabriel Bungenstab

Resumo


O texto a seguir aponta algumas contribuições sobre os pensamentos dos sociólogos Zygmunt Bauman e Michel Maffesoli. O diálogo entre esses dois pensadores aponta caminhos a fim de refletir o que vem sendo a juventude contemporânea e a relação que ela assume com o corpo e com as práticas corporais. Inserir esses dois sociólogos de grande importância no cenário mundial para pensarmos a Educação Física e as práticas corporais é uma aposta nova e que pode gerar outras reflexões e críticas acerca da nossa área.

Palavras-chave


práticas corporais; educação física; sociologia; juventude.

Texto completo:

PDF