O ESPAÇO DA EDUCAÇÃO FÍSICA NO ENSINO MÉDIO: AS VOZES DOS ALUNOS

Autores

  • Alenir de Pinho Romoaldo Cordovil Faculdade de Educação Física - Universidade Federal de Mato Grosso
  • Marcia Cristina Rodrigues da Silva Coffani Faculdade de Educação Física - Universidade Federal de Mato Grosso
  • Cleomar Ferreira Gomes Faculdade de Educação Física - UFMT

Resumo

O estudo investigou a relação do aluno do Ensino Médio com as aulas de Educação Física, abordando suas “representações” sobre a importância desse componente curricular na formação humana. Adotaram-se os métodos qualitativo-quantitativo de investigação. Trata-se de um estudo exploratório – descritivo, do qual participaram cerca 236 alunos, do período matutino, de uma escola estadual em Cuiabá-MT-Brasil, que responderam um questionário aberto, em 2013. Verificou-se que o elemento recorrente da prática pedagógica do professor nas aulas de Educação Física é o ensino do esporte numa perspectiva técnico-instrumental. Para os alunos as aulas de Educação Física estão vinculadas à saúde e aprendizado esportivo. Sugeriram atividades diferenciadas que pudessem diversificar os conteúdos de ensino. Notou-se que a redução do “espaço” da Educação Física no Ensino Médio é motivada pela falta de sentido e contextualização das manifestações da cultura corporal.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alenir de Pinho Romoaldo Cordovil, Faculdade de Educação Física - Universidade Federal de Mato Grosso

Professora de Educação Física formada pela Faculdade de Educação Física - UFMT.

Marcia Cristina Rodrigues da Silva Coffani, Faculdade de Educação Física - Universidade Federal de Mato Grosso

Professora da Faculdade de Educação Física - UFMT. Atua com as disciplinas Estágio no Ensino Médio e Trabalho de Curso.

Cleomar Ferreira Gomes, Faculdade de Educação Física - UFMT

Professor Doutor em Educação - USP. Atua na Faculdade de Educação Física - UFMT.

Downloads

Publicado

2015-12-18

Edição

Seção

Educação Física Pesquisa