[1]
M. C. C. Carboni, “Apenas uma morte: seguindo os rastros de Dulce Carneiro”, esferas, nº 22, p. 333-347, dez. 2021.