Adaptação Transcultural e Validação de Conteúdo do Questionário de Coesão no Esporte Infantil para o Português do Brasil

Autores

  • Rodrigo de Vasconcellos Pieri Programa de Pós-Graduação em Psicologia Social Universidade do Estado do Rio de Janeiro
  • Pedro Pires Departamento de Psicologia do Pólo de Rio das Ostras Universidade Federal Fluminense
  • Alberto Filgueiras Programa de Pós-Graduação em Psicologia Social Universidade do Estado do Rio de Janeiro
  • Ângela Donato Oliva Programa de Pós-Graduação em Psicologia Social Universidade do Estado do Rio de Janeiro

DOI:

https://doi.org/10.31501/rbpe.v6i2.7088

Resumo

No contexto esportivo a coesão pode influenciar na performance, comunicação e nos casos de abandono. No esporte infantil relacionamentos coesos são fundamentais para promover prazer e satisfação. O presente estudo pretende apresentar o processo de adaptação transcultural e avaliação da validade de conteúdo do Child Sport Cohesion Questionnaire para a cultura brasileira. A versão final, denominada em português brasileiro de Questionário de Coesão no Esporte Infantil foi produzida a partir da seguinte estrutura metodológica: tradução, síntese, retro-tradução e avaliação do conteúdo partir de dois critérios: pertinência e clareza semântica. Utilizou-se da análise de Coeficiente de Validade de Conteúdo para mensurar a avaliação dos dois critérios. A dificuldade na adaptação do instrumento foi discutida à luz das teorias da coesão e dinâmica de grupos. Concluiu-se que a versão brasileira do questionário foi adequada para utilização na população-alvo, mas estudos psicométricos devem ser conduzidos no futuro para assegurar outros critérios de validade e fidedignidade dessa medida no Brasil.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Arquivos adicionais

Publicado

2017-01-08