Diastematomielia diagnosticada em paciente de idade avançada: relato de caso

Autores

  • Fabiana Luchini Predin Hospital de Base do Distrito Federal - HBDF
  • Teófilo Alvarenga Netto Universidade Católica de Brasília
  • Rodrigo Helou Universidade Católica de Brasília
  • Gleim Dias Souza Universidade Católica de Brasília
  • Luciana Rodrigues Queiroz Souza Hospital de Base do Distrito Federal - HBDF

Resumo

Diastematomielia é ocasionada pela separação da medula espinhal por um septo ósseo ou fibroso. Manifestações clínicas podem aparecer em qualquer época e variar dependendo da gravidade da malformação. O caso apresentado é de uma paciente de 60 anos, com dor em coluna vertebral há 2 anos, investigada na Unidade de radiologia do HBDF, onde foi estabelecido o diagnóstico de diastematomielia.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fabiana Luchini Predin, Hospital de Base do Distrito Federal - HBDF

Médica residente do serviço de Radiologia e Diagnóstico por Imagem do Hospital de Base do Distrito Federal - HBDF

Teófilo Alvarenga Netto, Universidade Católica de Brasília

Graduando em Medicina pela Universidade Católica de Brasília - UCB

Rodrigo Helou, Universidade Católica de Brasília

Graduando em Medicina pela Universidade Católica de Brasília - UCB

Gleim Dias Souza, Universidade Católica de Brasília

Radiologista, Mestre em Cirurgia pela Faculdade Evangélica do Paraná, Professor da Universidade Católica de Brasília.

Luciana Rodrigues Queiroz Souza, Hospital de Base do Distrito Federal - HBDF

Radiologista, Mestre em Cirurgia pela Faculdade Evangélica do Paraná, Preceptora do programa de Residência Médica em Radiologia e Diagnóstico por Imagem do Hospital de Base do Distrito Federal – HBDF.

Downloads

Publicado

2012-08-07