ESTUDOS SOCIOCULTURAIS: UM OLHAR PARA OS GRUPOS DE PESQUISA DO BRASIL

Beatriz Dittrich Schmitt, Giandra Anceski Bataglion, Janice Zarpellon Mazo

Resumo


O objetivo foi identificar e caracterizar os Grupos de Pesquisa em Estudos Socioculturais cadastrados no Diretório do Grupos de Pesquisa do Brasil (DGPB). Trata-se de uma pesquisa documental a partir de dados disponíveis no DGPB e na Plataforma Lattes. Foram coletadas informações sobre: localização, instituição de ensino superior, recursos humanos, linhas de pesquisa, líderes e o ano de formação dos grupos. Os dados foram armazenados no programa Microsoft Excel E para a análise, utilizou-se estatística descritiva. Identificaram-se 24 Grupos de Pesquisa em Estudos Socioculturais cadastrados no DGPB (21 vinculados a instituições federais ou estaduais e três a instituições privadas). Os grupos estão localizados em todas as regiões do país, majoritariamente no Sudeste (n=11), Sul (n=5) e Nordeste (n=5). No item “recursos humanos”, foram encontrados no total 675 integrantes: 215 pesquisadores, 252 estudantes, sete técnicos, seis estrangeiros e 195 egressos. Estes grupos apresentam de uma a oito linhas de pesquisa, sendo que a maioria se constitui por até duas linhas de pesquisa (n=9), enquanto outros grupos oscilam de três a quatro linhas de pesquisa (n=7) e de cinco a seis linhas de pesquisa (n=7). Cada grupo é coordenado por um líder (n=11) ou dois líderes (n=13), dos quais 34 são doutores e dois são mestres. Desde a fundação do primeiro grupo, foram publicados 2.161 trabalhos científicos, havendo prevalência de artigos científicos. Os grupos localizados foram cadastrados no DGPB a partir do ano de 1996. Contudo, foi a partir da década de 2000 que se intensificou a criação dos grupos de pesquisa na área, sendo o último grupo cadastrado no DGPB no ano de 2018. Os grupos de pesquisa, situados em distintas áreas do conhecimento, com predomínio da Educação Física (n=9), se circunscrevem como imperativos para a construção e a consolidação do campo dos estudos socioculturais no Brasil.

Palavras-chave


Grupos de pesquisa, Ciência; Bases de conhecimento; Base de dados; Características dos Estudos.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.31501/rbcm.v28i2.10623

R. Bras. Ci. e Mov./ Brazilian Journal of Science and Movement