EFEITOS DO FIFA 11+ SOBRE O CONTROLE POSTURAL E PERFORMANCE FUNCIONAL EM ATLETAS DE FUTSAL SUB 13

Abeli Tuane dos Santos Soares, Ricardo Roballo Ferreira, Simone Lara, Lilian Pinto Teixeira, Rodrigo de Souza Balk, Antônio Adolfo Mattos de Castro

Resumo


O objetivo desse estudo foi avaliar os efeitos do programa FIFA 11+ sobre o controle postural e performance funcional de membros inferiores, em atletas de futsal Sub 13. Participaram atletas do sexo masculino (11 a 13 anos), integrantes do time em treinamento regular, avaliados pré e pós-teste. O controle postural foi avaliado através da posturografia dinâmica computadorizada, incluindo os testes de organização sensorial (TOS), constituído de seis condições, no qual a condição 1, 3 e 6 avalia o sistema visual, proprioceptivo e vestibular, a condição 2 e 5 avalia o sistema proprioceptivo e vestibular e a condição 4 avalia o sistema proprioceptivo. A avaliação da performance funcional dos membros inferiores foi analisada pelo protocolo Hop Test. Após os atletas participaram do programa FIFA11+, durante 21 semanas, com frequência de 2x por semana e duração aproximada de 20 minutos, antes do início de cada treino regular dos atletas. Houve melhora do controle postural dos atletas pós-intervenção, nas condições 1, 2 e 6 dos TOS. Houve melhora também nos testes de desempenho funcional, especialmente no lado dominante. O protocolo FIFA 11+ contribuiu para a melhora do controle postural e performance funcional em atletas de futsal Sub 13.

Palavras-chave


Equilíbrio postural, desempenho funcional, futebol.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.31501/rbcm.v28i4.10786

R. Bras. Ci. e Mov./ Brazilian Journal of Science and Movement