RELAÇÃO DO CONSUMO DE OXIGÊNIO DE PICO COM INDICADORES ANTROPOMÉTRICOS DE SOBREPESO E OBESIDADE E MATURAÇÃO SOMÁTICA EM ADOLESCENTES

Mônica Mari Santini, Julio Brugnara Mello

Resumo


O número de crianças e adolescentes com índice de sobrepeso e obesidade está aumentando. Já é consolidado que o baixo condicionamento cardiorrespiratório tem relação com riscos cardiovasculares e metabólicos. O objetivo desse trabalho é avaliar o nível de condicionamento cardiorrespiratório em adolescentes do ensino médio e relacionar com indicadores de sobrepeso e obesidade e a maturação somática. O método utilizado caracteriza-se como transversal com método associativo e abordagem quantitativa. Participaram do estudo 51 adolescentes de duas escolas (privada e pública) de uma cidade da região serrana do RS. Após medição dos índices antropométricos foi realizado um teste de campo para medição do VO²Pico. As associações indicaram que a razão cintura/quadril foi o indicador antropométrico que mais se associou com o VO2pico, independente da distância para o pico de velocidade do crescimento. Todavia quando analisamos os sexos em separado, essa associação manteve o padrão apenas nas meninas, indicando que o sexo é um moderador na associação entre razão cintura/quadril, maturação somática e VO2pico em adolescentes.

Palavras-chave


Aptidão cardiorrespiratória e adolescentes, crescimento, atividade física

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.31501/rbcm.v29i1.11699

R. Bras. Ci. e Mov./ Brazilian Journal of Science and Movement