ANÁLISE DA POSTURA DINÂMICA DE UNIVERSITÁRIOS E SUA RELAÇÃO COM A DISCIPLINA DE EDUCAÇÃO POSTURAL - DOI: http://dx.doi.org/10.18511/0103-1716/rbcm.v23n3p113-121

Cláudia Tarragô Candotti, Guilherme Benedetto Todeschini, Matias Noll, Bruna Nichele da Rosa, Adriane Vieira

Resumo


Objetivou-se avaliar a forma de execução das atividades de vida diária (AVD’s) “Pegar objeto do solo” e “Transportar objeto” de acadêmicos de Fisioterapia e Educação Física nas situações “de forma habitual” e “de forma adequada. Foram avaliados 100 acadêmicos, divididos em dois grupos: Grupo 1, que cursou a disciplina de Educação Postural (EP) e Grupo 2, que não cursou EP, através de uma filmagem das duas AVD’s, nas duas situações. Os vídeos foram avaliados utilizando uma planilha de pontuação do protocolo Lay-out for assessing the dynamic posture (LADy). O tratamento estatístico utilizou os testes Wilcoxon e U de Mann Whitney (?=0,05). Os resultados demonstraram diferença significativa entre os dois grupos nas duas AVD’s executadas “de forma adequada”, com maiores escores para o Grupo 1. Na situação “de forma habitual”, houve diferença significativa entre os grupos apenas na AVD “Pegar objeto do solo”, com escores maiores para o Grupo 1. Conclui-se que os conhecimentos adquiridos na disciplina EP podem influenciar positivamente a postura dinâmica dos acadêmicos.

Palavras-chave


Postura. Educação. Hábitos.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18511/rbcm.v23i3.5484

R. Bras. Ci. e Mov./ Brazilian Journal of Science and Movement