Contribuições da terapia cognitivo-comportamental no acompanhamento de atletas lesionados

Gisele Maria Silva

Resumo


Esse estudo, teórico, teve por objetivo compreender as contribuições da Terapia Cognitivo-Comportamental no acompanhamento psicológico de atletas em processo de reabilitação física. O modelo teórico ajudou compreender as consequências psicológicas que podem acometer os atletas afastados de suas atividades esportivas, principalmente a presença de ansiedade, níveis maiores de tensões e estresse. O estudo mostrou que uma série de técnicas da abordagem da Terapia Cognitivo-Comportamental podem ser utilizadas nesses casos, sendo tal abordagem uma ferramenta eficaz na reestruturação de pensamentos e crenças, controle das emoções e ajustes de comportamentos. Desta forma, ficou evidente que o psicólogo do esporte pode estruturar um programa de trabalho específico para cada atleta, visando otimizar os recursos psicológicos para quando ocorrer o retorno às suas atividades profissionais.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.31501/rbpe.v9i1.9610