Sobre a Revista

FOCO E ESCOPO 

A Revista Comunicologia, editada desde 2008 pelo Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Universidade Católica de Brasília, é um periódico científico, semestral, de acesso livre, em formato eletrônico, que tem como missão promover a reflexão e a produção científica no campo da comunicação. Publica textos inéditos decorrentes de pesquisas relacionadas à temática da comunicação, contemplando as especificidades do campo e também suas interfaces com as demais áreas do conhecimento. Refletindo as linhas de pesquisa do Programa de Pós-Graduação ao qual está vinculada, encoraja a publicação de trabalhos relacionados aos processos comunicacionais nos contextos da cultura mediática e das organizações.

Dentre todas as formas de se aproximar do que é a comunicação, escolhemos uma que, traduzida, significa literalmente Comunicologia (koinologos), palavra que também pode ser traduzida como diálogo ou conversação. Os gregos viam na noção de koinologos uma esfera propiciadora do desenvolvimento da dialética por que portadora de conhecimentos, de críticas e de teses. Koinologos não era uma simples forma de diálogo como entendemos hoje, mas uma forma de se aproximar dos próprios saberes. A Revista Comunicologia resgata, portanto, a velha expressão grega utilizada para descrever a ciência dos saberes dialogais: a unidade da comunicação comunica a unidade do logos. Assim, a perspectiva oferecida por esta revista é a da comunicação como um diálogo inclusivo de pensamentos, teorias, saberes, práticas e cosmovisões. Assumimos, dessa forma, um escopo interdisciplinar, segundo a produção em Ciências da Informação, Sociologia, Antropologia, Ciência Política, Administração, Psicologia, Serviço Social, História, Filosofia, Ciência Cognitiva, Letras e Artes.


PROCESSO DE AVALIAÇÃO PELOS PARES

Para serem avaliados, os artigos devem ser submetidos através do Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas – SEER/OJS. Concluída a submissão, os editores são notificados e os textos são designados para dois membros do Conselho Editorial ou para consultores ad-hoc, de acordo com suas especialidades, para realização de avaliação às cegas (blind-review). Os avaliadores seguem critérios uniformes estabelecidos pela Comissão Editorial e explicitados nas diretrizes de avaliação. No caso de dois pareceres contraditórios, o texto será submetido a um terceiro avaliador. Os autores podem acompanhar o processo de avaliação através do SEER (Sistema de Editoração Eletrônica de Revistas).


PERIODICIDADE

Publicação da revista: Quadrimestral

Artigos livres: Fluxo contínuo

Artigos temáticos: Chamadas específicas de dossiê