Carcinoma tireoidiano papilífero de alto risco com metástase linfonodal - resposta inadequada ao tratamento inicial

Ana Raquel Souza de Azevedo, Daniela Gomes Gebrim, Vitorino Modesto dos Santos

Resumo


Relata-se o caso de homem com 68 anos e diagnóstico de carcinoma de tireoide do tipo papilífero com metástases para linfonodos cervicais e paratraqueais. A resposta ao tratamento inicialmente utilizado foi inadequada. O paciente persistiu com lesões metastáticas no mediastino e níveis elevados dos marcadores tumorais em controles do tratamento. Enfatiza-se a importância do seguimento clínico, mesmo após a utilização correta de protocolos bem estabelecidos na literatura, para propiciar aumento de sobrevida e redução de recorrências da malignidade.

Texto completo:

PDF