NÍVEL DE APTIDÃO FÍSICA DE ATLETAS DE GINÁSTICA RÍTMICA: COMPARAÇÕES ENTRE CATEGORIAS ETÁRIAS - DOI: http://dx.doi.org/10.18511/0103-1716/rbcm.v22n3p5-13

Leony Morgana Galliano

Resumo


O objetivo do estudo foi avaliar a aptidão física de competidoras de ginástica rítmica (GR), e comparar o desempenho segundo categoria competitiva, considerando maturação e tempo de treinamento. A amostra foi composta por 33 ginastas, sendo 12 pré-infantis, 14 juvenis e 7 adultas, das quais foram coletadas informações sobre maturação, tempo de treinamento e antropometria. Ainda, aplicaram-se testes de i) flexibilidade para extensão de coluna, cintura escapular, flexão e extensão coxo-femoral; ii) equilíbrio estático e dinâmico, iii) potência de membros superiores (PMMSS) e de membros inferiores (PMMII). Em relação às características gerais de treino, as atletas pré-infantis praticam GR há 2,83±1,57 anos, as juvenis há 6,43±2,41 anos e as adultas há 10±3,37 anos, com diferenças entre o primeiro grupo e os demais (p<0,05). Em referência à quantidade de treinos semanais, as pré-infantis treinam 3,25±0,75 vezes por semana, as juvenis 5,07±1,07 dias e as adultas, 4,71±0,76 treinos. Neste contexto, 92% das pré-infantis cumprem entre 2 e 4 horas por treino. Entre as juvenis, 43% treinam entre 2 e 4 horas e 57% fazem mais de 4 horas. Já na categoria adulta, 85% treinam entre 2 e 4 horas e 15% treinam mais de 4 horas. Dentre os principais resultados, destacam-se menores valores da PMMII e equilíbrio na categoria pré-infantil e valores superiores de PMMSS na categoria adulta. O grupo pré-infantil obteve resultados inferiores de equilíbrio e flexibilidade ao ser comparado com as demais categorias. Quanto ao somatotipo, as categorias pré-infantil e juvenil tiveram suas maiores médias encontradas para ectomorfia, enquanto entre adultas, destacou-se o componente mesomórfico.

Palavras-chave


Ginástica; Aptidão Física; Comportamento Competitivo.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18511/rbcm.v22i3.4444

R. Bras. Ci. e Mov./ Brazilian Journal of Science and Movement