FORMAÇÃO PROFISSIONAL EM EDUCAÇÃO FÍSICA: O PERFIL DOS EGRESSOS DA UFPI NO SÉCULO XXI

José Carlos dos Santos, Wagner Wey Moreira, Aline de Freitas Brito

Resumo


O objetivo deste estudo foi traçar o perfil dos egressos do Curso de Licenciatura em Educação Física da UFPI, o qual se apresenta dentro de uma abordagem quantitativa, com objetivo descritivo do tipo transversal. Utilizou-se como instrumento um questionário adaptado de Medeiros e Gonçalves (2009) contendo 12 questões fechadas para uma amostra composta por 100 egressos. Os resultados indicaram que 83% dos egressos são do sexo masculino, com idade entre 26 a 30 anos (40%). Quanto aos aspectos profissionais: 74% dos egressos são filiados ao CREF, 59% atuam como autônomos; 40% trabalhando na área Educação Física escolar em torno de 8 horas (42%) por dia, ganham salários entre R$ 2.001,00 a 3.000,00 (39%), demonstrando-se satisfeitos (41%) com sua área de atuação. Percebe-se que o perfil dos egressos do curso de EF da UFPI não se difere tanto dos perfis encontrados na literatura, demonstrando que há similaridades entre a formação desta com outras instituições no Brasil.

Palavras-chave


Ensino Superior; Formação Profissional; Satisfação Pessoal.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18511/rbcm.v26i2.9034

R. Bras. Ci. e Mov./ Brazilian Journal of Science and Movement