DESEMPENHO MOTOR E SUA RELAÇÃO COM O BULLYING ESCOLAR EM CRIANÇAS EM CONTEXTO DE ALTA VULNERABILIDADE SOCIAL

Marcela Almeida Zequinão, Pâmella de Medeiros, Priscilla Geraldine Wittkopf, Beatriz Pereira Oliveira, Fernando Luiz Cardoso

Resumo


O sucesso nas atividades físicas e o envolvimento em esportes em idade escolar, são responsáveis pelo aumento da popularidade. No entanto, o contrário também é verdadeiro, sendo que crianças com menores níveis habilidades motoras tendem a ter menos amigos, são rejeitadas pelos pares, são menos convidadas para brincar e participar de jogos, além de serem mais propensas a sofrerem de depressão e serem intimidados na escola Com isso, o objetivo deste estudo foi verificar se há relação entre o desempenho motor e os papéis de participação no bullying escolar de crianças em situação de alta vulnerabilidade social da grande Florianópolis - SC. Participaram 126 crianças, com idades entre 8 e 10 anos (X=9,38, SD=, sendo 57 meninos e 69 meninas. Para avaliar o desempenho motor, utilizou-se o Test of Gross Dvelopment - TGMD-2. Para descrever os papéis no bullying escolar segundo a auto percepção dos participantes, utilizou-se o Questionário de Olweus, já para a percepção dos colegas, utilizou-se a Escala Sócio Métrica. Não foi encontrada relação entre o desempenho motor e o envolvimento no bullying escolar, tanto nos papéis assumidos pela auto percepção dos participantes, quanto pela indicação dos colegas. Acredita-se que o baixo desempenho motor por parte da maioria dos participantes deste estudo fez com que os alunos não se diferenciassem entre os papéis de participação no bullying, tornando-se um grupo homogêneo no que tange a variável desempenho motor. Diante disso, sugere-se que novos estudos sejam conduzidos para verificar se os fatores de risco presentes em comunidades de alta vulnerabilidade social podem contribuir, de fato, para um pior desempenho motor, tornando-as ainda mais importantes para a compreensão do bullying escolar.

Palavras-chave


Vulnerabilidade social, bullying, habilidade motora

Texto completo:

PDF


R. Bras. Ci. e Mov./ Brazilian Journal of Science and Movement